Tradição passada da família

Após a introdução do Código Napoleónico na Palatina Renana, instalou-se uma nova consciência a favor da actividade empresarial burguesa. A família Böhm dedicou-se desde 1828 à vitivinicultura e, no século seguinte, conseguiu adquirir grandes propriedades vitícolas, tendo-se tornado uma das maiores comerciantes de vinho na Alemanha. No final dos anos 60 e 70, Jorge Böhm decidiu importar vinho de Portugal. Nos anos 70, Böhm, através de uma empresa exportadora em Portugal fundou uma marca própria de diferentes vinhos portugueses. Por razões técnicas, comerciais e familiares emigrou para Portugal nos anos 80, onde se dedicou à selecção e ao melhoramento das castas portuguesas.

tradicao